1
Esta marcha, a nos pertence
E o preito do amor
Do povo Rabopeixense
Honrado e trabalhador
Relembrando o que Fomos
Cantemos em alta voz
Damos provas que não somos
Aquilo que dizem de nos.


Coro
Rabo de Peixe
Minha terra onde nasci
Que ninguém deixe
Dizerem mal de ti
Embora pobre
Mas sentimos muito honrados
Do sangue nobre
Dos nossos antepassados.


2
Tens beleza e encanto
De valor extraordinário Nas
festas do Espírito Santo
E Senhora, do Rosário
Recordo por tantas vezes
Os antigos lavradores
Os valentes camponeses
E os bravos pescadores.

Coro


3
Tens uma firma afamada
A mais grande dos Acores
Com fama tão divulgada
Pelos seus exportadores
Tens filhos tão ilustrados
Industriais e Bancários
Comerciantes e Advogados
Engenheiros e Camarários.

Coro


4
Tantos Padres e Doutores
Um Presidente nos temos
Jornalistas, Professores.
E ate um Bispo tivemos Eis
exposta a dinastia
Dos filhos que deste a luz
Que dão honras a freguesia
Do Senhor Bom Jesus.

Coro


Letra de: Gabriel Sousa